.arquivos

. Março 2012

. Novembro 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Abril 2009

. Janeiro 2009

. Junho 2008

. Maio 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

Sexta-feira, 6 de Outubro de 2006
...

 

publicado por Lover às 14:11
link do post | comentar | favorito
5 comentários:
De Angel of Obscurity a 4 de Novembro de 2006 às 11:44
Amei simplesmente a forma como te fundes com a imagem, na imagem. A maneira como fazes parte dela sem a tocares no fisico.

Transferes-nos essa transcendencia, pura, doce!

Amei.
Tenho-te saudades amigo.
Imensas:*
De LusoBoy a 15 de Outubro de 2006 às 00:11
Ai, é sempre bom passar por aqui e ler os lindos textos que escreves e as fotografias que escolhes. Um abraço ;).
De sonho fiel a 14 de Outubro de 2006 às 04:31
Pois é, imagem transcendente no odor que transmite, sereno da alvorada, transparência do acordar livre e ver o mundo como um novo amanhecer, cheio de amor para dar, como este corações que caem letamente, como a chuva ao sopro do vento.
Gostei muito do teu blog.
De Iva a 12 de Outubro de 2006 às 21:13
Gostei...
De Gaybriel a 8 de Outubro de 2006 às 22:05
Quando soltas os teus pensamentos e os transcreves aqui neste teu diário, é sempre bom poder apreciá-los! Adoro o que escreves caro amigo... A cada dia que passa todos nós sentimos que a vida não é bem o k a gente sonhou, idealizou...Temos mesmo de a suportar assim? Vi nos teus olhos a mágoa, o desespero, também vi a melancolia estes dias...mas há que continuar em frente e como diz a outra, de todas as pedras no nosso caminho, junta-las para um dia construir um belo castelo! Se nós temos a capaciadade de sorrir, pk não acreditar que a vida um dia também sorrirá para nós? Abraço grande para ti e para o teu amor!

Comentar post

.pesquisar